31 outubro, 2014 |Estética dental, Notícias |Nenhum comentário
Enviar por e-mail

Corrigindo o sorriso desde cedo

O mau posicionamento dos dentes nas crianças pode afetar a mastigação, o desenvolvimento funcional da boca, a fala ou até mesmo a respiração, além de causar baixa autoestima nos pequenos. Por esses motivos, os pais ou responsáveis devem procurar tratamento para a criança o quanto antes.

A razão ainda maior para a busca de solução nessa etapa é que, na fase adulta, apesar de os problemas bucais serem solucionados da mesma forma, há riscos de insucessos nos tratamentos ortodônticos. “As vantagens do cuidado na infância são o resultado alcançado em menos tempo, a chance escassa de reaparecer o mesmo caso e, principalmente, o saudável desenvolvimento da criança”, salienta a cirurgiã-dentista Danila Almeida, CRO-SP 98910.

Durante o crescimento, ocorrem alterações na cavidade bucal, e, segundo a cirurgiã-dentista, os problemas mais comuns nessa fase são: lesões de cárie, apinhamento dental, mordidas abertas, cruzadas ou profundas, lábios leporinos, perda precoce de dentes de leite, agenesia dental (ausência de dente) e acúmulo de placa bacteriana.

“Lesão de cárie e acúmulo de placa são tratados por qualquer profissional da área, dentista, clínico geral ou odontopediatra. A perda precoce de dentes, agenesia, apinhamento dental e qualquer problema na mordida são tratados com profissionais da Ortodontia. Já o lábio leporino, por cirurgiões-dentistas logo quando a criança nasce”, indica Danila.

Portanto, se o seu filho está apresentando algum problema que pode prejudicá-lo, garanta o sorriso saudável e feliz dele procurando um dentista. “Os pais precisam estar cientes da função do profissional e da importância de cuidar da própria saúde bucal e da de seus filhos”, finaliza.

Enviar por e-mail



Tags: , ,

Comentários

APOIO: