21 março, 2014 |Notícias, Saúde bucal |Nenhum comentário
Enviar por e-mail

Creme dental: aliado do sorriso

Popularmente usado em forma de creme ou gel dental, o  dentifrício é imprescindível para manter a higiene e saúde bucal. Vendido em diferentes formas e sabores, é um parceiro inseparável da escova de dente, e juntos deixam a sensação agradável de hálito fresco.

Pesquisas apontam indícios de que o creme dental surgiu no Egito há mais de 4 mil anos, como um preparado de pedra-pomes pulverizada e vinagre. No entanto, somente em 1850, nos Estados Unidos, ele foi criado pelos dentistas Washington e Lucius Wentworth Sheffield.

Ao longo dos anos, a pasta de dente tem sido uma importante aliada do sorriso, visto que ela ajuda na remoção de placas bacterianas que causam o mau hálito, previne manchas e, o mais essencial, é o principal veículo do fluoreto, popularmente conhecido como flúor, que controla a cárie dentária e auxilia a saliva na reposição dos minerais perdidos pelos dentes.

O cirurgião-dentista Jaime Aparecido Cury, CROSP 10775, alerta sobre a importância de verificar a concentração necessária no produto. “É fundamental conferir nos rótulos das embalagens se o creme contém a quantidade mínima de 1000 ppm de F (partes por milhão de flúor)”, explica.

Quanto ao uso de creme dental por crianças, o especialista ressalta a responsabilidade dos pais ou cuidadores. “É preciso estar presente, principalmente nas primeiras escovações, porque elas ainda não têm o hábito de cuspir e podem engolir o produto.” De acordo com as orientações do Ministério da Saúde, a quantidade ideal de pasta fluoretada para os menores que três anos de idade é equivalente a um grão de arroz cru, garantindo a eficácia anticárie e a segurança quanto ao excesso de flúor no organismo.

Além disso, as pastas dentais também podem auxiliar no tratamento de doenças típicas da gengiva. “Para a gengivite e a periodontite, as pastas com os componentes Triclosan/Gantrez e Fluoreto Estanhoso são eficazes, mas sempre como coadjuvantes de uma boa escovação”, finaliza o profissional.

Enviar por e-mail



Tags: , ,

Comentários

APOIO: